segunda-feira, 1 de setembro de 2008

Voltei !!!

Voltei....
Descansado,  morenaço, ainda mais "eremita" (esquecido do mundo).

Aqui vai a minha primeira saudação....

MAFALDA ARNAUTH - PARA MARIA 
 
******
Cantado por alguém que já, anteriormente, cantou

Contra ventos e marés


Hei-de cantar o meu fado
Pelo mundo lés-a-lés
Coração ao povo dado
Contra ventos e marés.

Só o fado canta saudade
Na sua voz mais sentida
Tembém canta liberdade
De ser gente nesta vida

Cantando às vezes tristeza
Mágoa de sede sem fonte
Foi nos mares da incerteza
Asa febril de horizonte.

Se o fado, se é fado inteiro
Fado antigo ou fado novo
Deste país marinheiro
Canta a alma deste povo

Minha terra que eu nem sei
Ó tanto que tanto és
Ao fado te cantarei
Contra ventos e marés.

10 comentários:

  1. BEM REGRESSADO EREMITA MORENAÇO!
    E AO SABOR DE VENTOS E MARÉS CÀ ESTAMOS OUTRA VEZ. Continuação de boa disposição.

    M.Teresa(Tere)

    ResponderEliminar
  2. Nem por isso.
    Havia muito para arrumar, desde material a assuntos diversos.
    O dia de ontem foi para reler posts da Tere desde 15AGO e comentar (na medida do possível).
    Contudo aunda ando muito disperso, sem rumo definido.

    ResponderEliminar
  3. Joeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee. Não faça morrer de saudades.Rumeeeeeeeeeeeeeee com destino a um Norte definido.

    ResponderEliminar
  4. JOEEEE!ENTAO TAMOS A ESPERA DE COISITAS NOVASSSSS!

    ResponderEliminar
  5. Acho que ele abriu outro blogue da nova época e ainda está nos "segredos dos deuses" ou não nos quer por perto...Será?

    ResponderEliminar
  6. Cambada de doidas !!!
    Acham que eu as "abandoraria" assim sem mais nem menos.
    Só que tinha muitos emails para responder. Muitos posts de muitos blogues para ler. Muita "casa" para arrumar.
    Também muita falta de "veia", aliada a uma preguiça intelectual, com o motor (mental) um pouco gripado e com as válvulas e pistões a precisarem de "bom óleo".
    Mas tudo se há-de recompor.
    Estão tornando um copo de àgua numa grande tempestade. Pudera é época de "furacões"!!!
    Por isso.....
    Aí vai....
    Tempestade.

    ResponderEliminar
  7. Cambada de doidas !!!
    Acham que eu as "abandoraria" assim sem mais nem menos.
    Só que tinha muitos emails para responder. Muitos posts de muitos blogues para ler. Muita "casa" para arrumar.
    Também muita falta de "veia", aliada a uma preguiça
    intelectual, com o motor (mental) um pouco gripado e com as válvulas e pistões a precisarem de "bom óleo".
    Mas tudo se há-de recompor.
    Estão tornando um copo de àgua numa grande tempestade. Pudera é época de "furacões"!!!
    Por isso.....
    Aí vai....
    Tempestade.

    ResponderEliminar